.

Publicado el November 17th, 2008, 7:38

Zarkos D'Alembert
dzarkos@hotmail.com | 200.218.209.138

Acho interessante que sempre que se discorre sobre o assunto "Sodoma e
Gomorra", as pessoas convenientemente "esqueçam" de mencionar a
estória completa. Vou então relembrar aqui alguns fatos pitorescos
iniciando com uma pergunta:
Em que consistia a "justiça" de Ló?
Sim, esta é uma pergunta relevante, pois foi essa a justificativa de
Abraão diante de Deus quando rogou pela cidade de Sodoma e também
esta, supostamente, a justificativa de Deus para retirar Ló e sua
família a salvo da cidade antes da destruição completa.
Tomando-se por base que, segundo a crença popular, Sodoma e Gomorra
foram destruídas por causa de suas supostas práticas sexuais
degeneradas e imoralidade, Ló deveria ter morrido também. Alguém,
certamente, perguntaria: Mas por quê? Ora, um homem que é capaz de
oferecer sem nenhum pudor suas próprias filhas virgens para que uma
turba de homens faça com elas o que bem entenderem jamais pode ser
considerado um homem justo. Não consigo imaginar imoralidade maior que
essa!
Gênesis 19:8 "Eis aqui, duas filhas tenho, que ainda não conheceram
homens; fora vo-las trarei, e fareis delas como bom for aos vossos
olhos; somente nada façais a estes homens, porque por isso vieram à
sombra do meu telhado."
Outra pergunta que me vem à mente: Como Ló sendo alguém que se deixa
embriagar e comete incesto com as próprias filhas pode ser considerado
justo? Não seriam o incesto uma prática sexual degenerada, um ato
ilícito? Esse ato não seria imoral também?
Sim, porque é isto que ocorre após a destruição das cidades.
Gênesis 19:32-36 "Vem, demos de beber vinho a nosso pai, e deitemo-nos
com ele, para que em vida conservemos a descendência de nosso pai. E
deram de beber vinho a seu pai naquela noite; e veio a primogênita e
deitou-se com seu pai, e não sentiu ele quando ela se deitou, nem
quando se levantou. E sucedeu, no outro dia, que a primogênita disse à
menor: Vês aqui, eu já ontem à noite me deitei com meu pai; demos-lhe
de beber vinho também esta noite, e então entra tu, deita-te com ele,
para que em vida conservemos a descendência de nosso pai. E deram de
beber vinho a seu pai também naquela noite; e levantou-se a menor, e
deitou-se com ele; e não sentiu ele quando ela se deitou, nem quando
se levantou. E conceberam as duas filhas de Ló de seu pai."
Concluindo: não se pode considerar a estória de Sodoma e Gomorra como
eventos históricos e literais. Se assim o fizermos estaremos
concordando com a visão de Deus como um ser completamente imoral e
amoral que considera "justo" um homem imoral, amoral e degenerado
sexualmente como foi Ló.

De A Bomba Atômica de Deus, 17/11/2008, 10:01
Por SousaNeto, en: General